No Programa Debate Esportivo desta terça-feira(21), por diversas Adaílton tentou, mas não conseguiu falar com o apresentador da resenha. Certamente, era para comunicar o seu desligamento oficial do clube na condição de vice-presidente da Associação Olímpica de Itabaiana.

“Eu estava no ar, comandando o nosso debate ao lado de Wílson Botafogo, quando por diversas vezes ví o meu celular tocar, e era o dirigente Adaílton me ligando. Em uma das ligações, cheguei a pedir que o nosso operador Cláudinho atendesse a ligação para saber de Adaílton o que ele tinha de novo a passar ao nosso público ouvinte, mas a ligação não estava audível, me informou Cláudio Rêis. Ao término do programa, retornei a ligação, mas aí o celular de Adaílton já estava fora de área”, informou o setorista tricolor Roberto Carioca.

O certo é que a carta-renúncia, foi entregue pessoalmente ao presidente Edvaldo LIma na terça à noite. Confira agora as declarações de Adaílton sob tal medida tomada:

“Na gestão de Eduardo Almeida, quando eu era o Diretor de Futebol, você sabe Roberto Carioca que por duas ou três vezes eu ameaçei deixar o cargo. Como muitos foram os apelos, resolví permancer, até pelo respeito e consideração que tenho por Eduardo e Amílton Gomes, pares de diretoria.

Porém agora, ao assumir o cargo de Secretário de Administração na Prefeitura de nosso município, entendí que não terei tempo à altura de desmpenhar tal função no clube. Não nego também a minha decepção com alguns jogadores de futebol que por aqui passaram. Deixo o Itabaiana como dirigente, porém jamais deixarei de torcer e colaborar com este time que aprendí a  amar, e amar cada vez mais.

Fica aqui a minha gratidão a todos os que sempre em apoiaram, inclusive no seu programa da Rádio Capital, Roberto Carioca, e agradeço ainda a oportunidade que me foi dada pela atual diretoria na formação da atual chapa diretiva. Espero que os que permaneçam à frente dos destinos de nosso clube encontrem realmente o rumo certo. Sei que não será a minha ausência que fará com que o clube deixe de ser grande, jamais”, concluiu.

Leia na íntegra, o conteúdo da carta-renúncia: 

 

Roberto Carioca: Notícia objetiva, informação correta!