A violência em Sergipe continua sem controle, principalmente em cidades como Itabaiana, Ribeirópolis, Dores e Moita Bonita. No caso mais recente, o jovem Danilo Santos Souza, 21 anos de idade, foi assassinado à tiros esta semana na porta da casa de familiares na cidade de Moita.

Em Itabaiana, a onda de arrombamentos a residências também vem crescendo, muito embora a maioria das ocorrências sejam de roubos de ciclomotores. Na delegacia, são 56 presos atualmente para um número muito reduzido de agentes da civil no plantão diário.

Como se vê, a situação em termos de segurança pública está ruim em todo o estado. Dados levantados recentemente, dão conta de que em Propriá, a onda de criminalidade chega a ser pior que em municípios como Itabaiana, Estância e São Cristóvão.

Da redação, Roberto Carioca.